Mostrando postagens com marcador Ensina-me a te Amar. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Ensina-me a te Amar. Mostrar todas as postagens

22 de abril de 2017

Ensina-me a te Amar

Serie Worthin.Hall
Henrietta e Lídia, as duas filhas de lady Margaret Tomlin, não receberam o mesmo carinho por parte de sua mãe. 

Para lady Tomlin, sua filha mais velha é feia e desagradável, enquanto Lídia é um modelo de perfeição.
Henrietta é uma mulher à frente de seu tempo, que não precisa de adulação para levar uma vida feliz. Lídia é a prometida de Robert, Lorde Worthington, e em breve celebrarão suas núpcias.
Ou não, porque o destino vai surpreender a estas duas irmãs. Amor apaixonado e intriga na Inglaterra do século XIX.

Capitulo Um

Henrietta Tomlin se olhava no espelho com aquela expressão entre ácida e deprimida, com que sempre enfrentava esse momento tão dramático: a aprovação de sua mãe.
—Henrietta já te disse que a cor verde não te favorece em nada — disse lady Margaret olhando sua filha com reprovadora expressão. —O vestido branco teria sido muito mais adequado para… seu físico.
Henrietta sabia perfeitamente o que sua mãe estava dizendo, em sua cabeça tinha escutado, uma a uma, todas as palavras que lady Margaret não tinha se atrevido a pronunciar.
«Henrietta esse vestido foi feito para uma jovem bela e não para alguém com um físico tão vulgar e comum como o seu.»
—Querida minha — disse sua mãe, aproximando-se dela e fazendo um gesto que queria ser uma carícia em uma de suas pálidas bochechas —Não deve se angustiar, já sabe o que sempre digo, o mais importante é reconhecer nossos defeitos e carências. Não é aconselhável esperar que sejam os outros que descubram por nós.
—Sim, mamãe. Já me disse isso muitas vezes e graças a você tenho todas as minhas carências muito assumidas. Meu nariz é muito pequeno, meus olhos muito grandes, minha boca excessiva… — recitou a jovem.
—Isso! É igualzinha a seu pai — sorriu lady Margaret caminhando para a porta —Tem tempo para se trocar, mas se apresse, saímos assim que sua irmã estiver pronta. Lídia! Aonde vai?
—Ver minha irmãzinha. OH, Henrietta, está linda! A cor verde combina com seus olhos.
Lídia era a filha mais nova dos Tomlin. Era uma jovem elegante e muito bela, que em nada se parecia com sua irmã mais velha. Lady Margaret sempre dizia que era como ela, quando era jovem.
—Estava a ponto de tirá-lo — disse a primogênita da família.—Mamãe pensa que não me favorece em nada.
—Por que diz isso, mamãe? — disse Lídia olhando sua mãe —Está muito bonita.
—Para isso teria que sê-lo — murmurou lady Margaret.
—O que disse mamãe? — perguntou Lídia, arrumando a saia do vestido de sua irmã —Não fale tão baixo para que eu não te entenda.
—Deve terminar de se arrumar, Lídia, a festa é em sua homenagem e não pode descuidar de nenhum detalhe.
Lídia olhou para sua irmã com cara de aborrecimento, aproveitando que sua mãe estava de costas e não podia vê-la.
—Já estou quase pronta, mamãe, só tenho que pôr as jóias e descerei. Tenho certeza que papai estava te procurando — mentiu.
—Este homem não sabe fazer nada sem mim! Não sei o que vai ser dele no dia em que eu não esteja!









Serie Worthington Hall
1- Ensina-me a te Amar
2- Aprendendo a te Amar
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...