Mostrando postagens com marcador Série Plantação de Louisiana. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Série Plantação de Louisiana. Mostrar todas as postagens

10 de junho de 2017

Serenata Espanhola

Bonita e teimosa, Pilar Sandoval e Serna pagará qualquer preço para escapar da tirania de seu padrasto, Don Esteban.

Desesperada, ela se junta ao belo El Leon, um nobre empobrecido por Don Esteban. 
Escondido nas montanhas com seu bando de foras da lei, ele é jurado de morte pelo padrasto de Pilar. 
Ela se oferece para pagar a El Leon para que ele a sequestre. Mas antes que a missão esteja completa, El Leon descobre que o dote de Pilar é menor do que o combinado. Pilar e El Leon passam juntos por muitas situações perigosas. Um livro envolvente!

Capítulo Um

Pilar Marie Sandoval e Serena sabia que o que estava a ponto de fazer era uma loucura. Encontrar-se com o famoso bandido O Leão, o leão das colinas da Andaluzia — por acaso e em plena luz do dia — era por si só perigoso, convidá-lo a reunir-se com ela à meia-noite em um pátio escuro significava deixar sua honra e inclusive a vida em suas mãos. No entanto, o perigo não lhe importava. Em algumas ocasiões valia a pena correr o risco. 
Pilar puxou o xale contra seu corpo enquanto percorria de cima a baixo o pátio ladrilhado. 
A noite era fria, algo comum no fim de dezembro em Sevilla. Esse frio era, naturalmente, a única razão para os tremores que a sacudiam. Por que devia temer o Leão? Seu padrasto, Don Esteban, era muito mais desprezível, um demônio em forma humana; entretanto, não tremia quando o enfrentava. 
Este pensava que a tinha derrotado, mas demonstraria o contrário. É obvio que o faria. Era uma noite tranquila. Das ruas da cidade, só se ouvia um barulho ocasional de uma carruagem que passava e o murmúrio dos últimos notívagos que regressavam às suas casas. Em algum lugar distante um cão latia. Próximo, talvez a três ou quatro casas de distância, um amante tocava seu violão e cantava uma velha canção da Andaluzia como uma serenata para sua amada. 
A música era confusa, a voz baixa e profunda, enriquecida por uma melancolia abafada. A luz da lua brilhava no pátio fechado, filtrando através dos ramos do jacarandá e formando poças profundas sob a sombra laranja de folhas brilhantes. Apanhando a água lançada pela fonte de pedra e transformando as gotas em pedras semipreciosas liquidas. 
Desenhava o padrão complexo dos pisos, e dos muros e empalidecia os gerânios rosa nos vasos presos às paredes. Debaixo da luz, o cabelo cor de mel de Pilar adquiria reflexos de ouro; seu rosto estava coberto com um brilho perolado e os olhos cor de chocolate quente que revelavam as mais misteriosas profundezas.


Série Plantação de Louisiana
1-  a revisar
2- Valsa da Meia-Noite
3- a revisar
4- Serenata Espanhola

15 de janeiro de 2017

Valsa da Meia-Noite

Série Plantação de Louisiana
O homem que vinha todas as noites ao seu quarto era o seu marido ou um estranho?

Amalie, uma jovem da aristocracia crioula da Louisiana, vivia atormentada por um mistério: de dia vivendo com um marido educado, porém frio, de noite a visitava no escuro um homem quente, que a fazia vibrar de êxtase.
Será que este amante era seu marido, um sonho ou um estranho sedutor?



Série Plantação de Louisiana
1- a revisar
2- Valsa da Meia-Noite
3- a revisar
4- Serenata Espanhola






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...